terapeuta de emdr campinas psicologa nilda carvalho
o que e terapia emdr e para que serve
Nilda Carvalho

Nilda Carvalho

Psicóloga e Terapeuta de EMDR
CRP - 112248

Terapia EMDR

A Terapia EMDR vêm revolucionando o campo da psicologia.

É uma nova forma de psicoterapia desenvolvida nos EUA no final dos anos 80 pela psicóloga Dra. Francine Shapiro.

Reconhecida e recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como uma das terapias mais eficazes no tratamento do Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT).

Inicialmente o método foi utilizado para tratar sequelas provocadas por TEPT, abusos sexuais, estupros, assaltos, sequestros, desastres naturais e outros tipos de violência.

Com o avanço das pesquisas verificaram que a Terapia EMDR trata de forma rápida e eficaz outras patologias emocionais: transtorno de ansiedade, depressão, fobias, síndrome de pânico, manejo de dor crônica, dificuldades de relacionamento, dependência emocional, estresse no trabalho, dependência química, doenças psicossomáticas, ansiedade de performance e outros problemas psicológicos.

A sigla EMDR significa: Eye Movement Desensitization and Reprocessing (Dessensibilização e Reprocessamento por meio dos Movimentos Oculares).

Após muitos estudos os recursos de estimulação bilateral expandiram para além dos movimentos oculares, hoje utilizamos a estimulação tátil e auditiva para a ativação cerebral durante a fase de reprocessamento.

Como a estimulação age no cérebro?

De forma acelerada e adaptativa, o EMDR “imita” o que acontece no cérebro durante o sono REM.

Você já deve ter visto alguém dormindo e mesmo com as pálpebras fechadas movimentar os olhos. Isto faz parte de uma fase do sono: o sono R.E.M. (Rapid Eye Movement) movimento rápido dos olhos.

A movimentação dos olhos enquanto dormimos é reflexo da atividade de processamento que flui entre diferentes regiões do cérebro. É nesta fase que acontece a maioria dos sonhos. São eles que processam e “arquivam” as experiências de forma adaptativas.

Ou Seja, em condições normais o nosso cérebro é capaz de processar todas as nossas experiências nos mantendo num estado mental saudável.

Por outro lado, as pesquisas comprovam que diante de acontecimentos que causam forte sofrimento emocional ocorre um desequilíbrio no sistema nervoso causado por alterações nos neurotransmissores e adrenalina gerando uma falha na capacidade de reprocessamento do cérebro.

O resultado desta falha é o “arquivamento” da experiência traumática na mente com toda a carga perturbadora do momento.

Após o episódio negativo a pessoa é continuamente ativada pela lembrança e como resultado destas constantes ativações surgem as patologias emocionais que vão desde um estado de estresse persistente, crenças limitantes, baixa estima, desequilíbrio emocional, até situações mais complexas como transtorno de pânico, fobias, dissociação, depressão, transtorno de ansiedade, dificuldades nos relacionamentos, dificuldades de aprendizado e outros.

Qual o objetivo da terapia EMDR?

O foco principal da terapia EMDR é o reestabelecimento da capacidade natural do sistema nervoso de reprocessar as experiencias diárias. Além de modificar os pensamentos, sentimentos, autoavaliação e proporcionar o surgimento de novos comportamentos mais engrandecedores e saudáveis. Estas mudanças poderão ser sentidas logo no início do tratamento e vão aumentando e reforçando no decorrer do processo.

O que é reprocessar uma memória?

Para o reprocessamento de uma memória montamos um protocolo, por meio deste o paciente entra em contato com a memória perturbadora e seus componentes: Imagem, emoções, sensações físicas, crenças negativas provocados pela experiencia. Após este contato com a memória inicia-se a estimulação bilateral até que a memória não provoque nenhum desconforto ao ser relembrada.

Ou seja, reprocessar uma memória é eliminar os sentimentos, crenças, pensamentos e sensações corporais que estão ligados a ela.

Este ato tem efeito libertador, é como tirar um fardo das costas, a vida fica mais leve e prazerosa!

É importante ressaltar que a terapia EMDR não se restringe à estimulação bilateral, sendo uma psicoterapia completa.

Para que serve a Terapia EMDR?

Para tratar qualquer tipo de sofrimento emocional ocasionado por traumas psicológicos.

O que é trauma psicológico?

Trauma é qualquer situação que nos causou forte sofrimento:

  • Experiencias negativas vividas pela mãe durante o período gestacional;
  • Acontecimentos da infância que eliciaram sentimentos de desamparo, desamor, abandono, medo, desvalia e não merecimento;
  • Assalto;
  • Sequestro;
  • Abuso sexual, físico e emocional;
  • Luto não resolvido;
  • Situações de estresse prolongado;
  • Bulling;
  • Relações abusivas;
  • Catástrofes naturais;
  • Presenciar homicídio;
  • Relações familiares patológicas;
  • TEPT.

Traumas são eventos que deixam sequelas emocionais como:

  • Depressão, angústia e tristeza;
  • Transtorno de ansiedade;
  • Transtorno de pânico, medo e fobias;
  • Crenças limitantes e autoavaliação negativa;
  • Timidez e dificuldade de falar em público;
  • Dificuldade de relacionamento;
  • Dificuldade no desempenho sexual;
  • Pensamentos intrusivos;
  • Pesadelos recorrentes;
  • Dificuldade de perder peso;
  • Dependência emocional;
  • Dificuldade de tomar decisões;
  • Irritação, fúria etc.;
  • Baixa estima e falta de motivação;
  • Dificuldades no desempenho profissional;

E tantas outras dores emocionais que nos impedem de ter uma vida leve e saudável.

A Terapia EMDR é considerada uma terapia rápida ao ser comprada com as abordagens convencionais e seus efeitos são sentidos logo no início do tratamento.

Cuide-se, invista em você!

Nilda Carvalho

Nilda Carvalho

Psicóloga e Terapeuta de EMDR
CRP - 112248

Não deixe de buscar ajuda de um psicólogo.

Gostou do Conteúdo? Comente, Compartilhe.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Falar com Nilda
1
Olá, tudo bem?
Oi, eu sou Nilda Carvalho - Psicóloga e Terapeuta de EMDR. Fale comigo, estou aqui para te ajudar 😉.